Guia Completo sobre Hérnia Hiatal por Deslizamento: Sintomas, Diagnóstico e Opções de Tratamento - OitoOitenta
HomeCartão de CréditoEmpréstimoFinanciamentoInvestimentoMilhasNotíciasSobre NósNosso contato
HomeCartão de CréditoEmpréstimoFinanciamentoInvestimentoMilhasNotíciasSobre NósNosso contato

Guia Completo sobre Hérnia Hiatal por Deslizamento: Sintomas, Diagnóstico e Opções de Tratamento

Anúncios

A hérnia hiatal por deslizamento é uma condição prevalente entre adultos mais velhos, exercendo um impacto significativo na sua qualidade de vida e bem-estar digestivo.

Esta condição ocorre quando a parte superior do estômago se projeta através do diafragma, uma estrutura muscular que separa o tórax do abdômen.

Normalmente, o esôfago atravessa o diafragma pelo hiato esofágico, uma abertura natural que pode alargar-se com o tempo, permitindo o deslocamento do estômago para cima.


Os adultos mais velhos são particularmente suscetíveis a esta condição devido a alterações nos tecidos e músculos que podem enfraquecer o diafragma ao longo dos anos.

Fatores como obesidade, gravidez prévia, tosse crônica e atividades que aumentam a pressão abdominal também contribuem para o desenvolvimento da hérnia hiatal por deslizamento.

Para muitos pacientes, os sintomas associados podem ser desafiadores, afetando não apenas o conforto físico, mas também a capacidade de desfrutar de atividades diárias sem desconforto.


Anúncios

O que é uma hérnia hiatal por deslizamento?

Uma hérnia hiatal por deslizamento é uma condição na qual a parte superior do estômago protrai através do diafragma em direção ao tórax.

O diafragma é um músculo crucial que separa a cavidade torácica (onde estão localizados os pulmões e o coração) da cavidade abdominal (onde estão o estômago, o fígado e outros órgãos digestivos).

Normalmente, o esôfago atravessa o diafragma através de uma abertura chamada hiato esofágico, permitindo que alimentos e líquidos passem do esôfago para o estômago durante a digestão.

No entanto, em uma hérnia hiatal por deslizamento, esse hiato esofágico se alarga, permitindo que uma porção do estômago se mova para cima, além de sua posição normal.


Esta condição é comum entre adultos mais velhos devido a mudanças estruturais relacionadas ao envelhecimento, como o enfraquecimento do diafragma e a perda de elasticidade dos tecidos.

Fatores como obesidade, gravidez prévia, tosse crônica e levantamento de peso podem aumentar a pressão intra-abdominal, contribuindo para o desenvolvimento ou agravamento da hérnia hiatal por deslizamento.


Anúncios

Clinicamente, a hérnia hiatal por deslizamento é frequentemente associada ao refluxo gastroesofágico (RGE), no qual o ácido estomacal, juntamente com alimentos ou líquidos, retorna para o esôfago.

Isso pode causar sintomas como azia, uma sensação de queimação atrás do esterno que pode se intensificar após as refeições ou quando o paciente está deitado.

Além da azia, a regurgitação ácida é outra manifestação comum, onde o conteúdo ácido do estômago pode regurgitar para a garganta, causando desconforto e irritação.

Os sintomas podem variar de leves a graves, e alguns pacientes também podem experimentar dor no peito, dificuldade para engolir (disfagia), tosse crônica e até mesmo asma induzida por refluxo de ácido.

O diagnóstico geralmente envolve uma combinação de história clínica detalhada, exame físico e testes diagnósticos como endoscopia digestiva alta e radiografia contrastada do esôfago para confirmar a presença e a extensão da hérnia.


Compreender os mecanismos subjacentes e os sintomas da hérnia hiatal por deslizamento é essencial para facilitar o diagnóstico precoce e implementar estratégias eficazes de manejo e tratamento.

Isso não só melhora a qualidade de vida dos pacientes, mas também reduz o risco de complicações relacionadas ao refluxo gastroesofágico e à hérnia em si.

scroll to top

Erro

Erro